Quando você orar, vá pro seu quarto!

Por Carlos Queiroz: 1

Mas quando você orar, vá para o seu quarto … (Mt 6:6)

O termo grego que deu origem à tradução para quarto é ‘tameion‘. O ‘tameion‘ era uma espécie de deposito subterrâneo da casa… aquele tipo de ambiente da casa em que depositamos vários cacarecos quebrados. Pela desarrumaçao ou pela sujeira acumulada, o ‘tameion’ pode depor mal contra nossa capacidade de organizar a vida ….

É o tipo de lugar que não sentimos necessidade de nos esconder debaixo de qualquer capa… é o espaço confuso da alma, o ambiente dos segredos mais íntimos. .. Orar é entrar nesse “quarto” ou nesse compartimento confuso do coração para cultivar e desfrutar graciosamente da ternura do Pai;

(…)

Muitas vezes nós não conhecemos o que se passa no porão de nossa interioridade. Há muito tempo estamos fugindo das verdades sobre nossa singularidade mais intrínseca. Olhamos e julgamos as circunstâncias e pessoas em nosso entorno, contudo, não tomamos a iniciativa de mergulhar em nossa interioridade.

Por isso, orar com Deus no ‘tameion’ é se colocar diante do Jesus Cristo de Nazaré, o reflexo da figura humana que precisamos alcançar. … No ‘tameion‘, olhando como, por um espelho, somos transformados, de glória em glória, até a própria imagem e semelhança do Filho
(2 Co 3.15-18).

NOTAS:

  1. QUEIROZ, Carlos. A oração nossa de cada dia: aprendendo a orar com Jesus. Pg 32 -35; Ultimato: Viçosa, 2013. Conforme citado por Geração TSO em 19 de setembro de 2014. Acesso em 19 de setembro de 2014.
Posted in Mensagens and tagged , .